Municipal Waste num dos clipes mais feras da existência.

Nem saco muito Municipal Waste, nunca parei pra securar ouvindo e ouvindo novamente. Maaaaaas, saca só que clip foda; vagabundagi!! Mandaram no youtube um dia desse a pedrada, a música se chama You’r Cut Off, e no clip tem tudo que um rolé insano-violence-destruição-apocalipse precisa ter. É pra sair dando mosh no sofá sozinho no meio da noite, pegar duas facas e ir matar zumbi… antes que comecem os ataques canibais de gente comendo rosto aqui pelo Brésyl.

 

Só pra dar um pinginho mais de notícias nesse portal de novidades: esse ano o MW lança o The Fatal Feast, um Split com a Toxic Holocaust e um EP… tudo isso eu li aqui.

Anúncios

3 bandas 2 tours 1 final de semana temmço

Esses dois rolés vão fazer com que você tenha bastante coisa pra fazer por esses dias, se eu fosse você faria questão de ir pra o evento mais próximo da sua quebrada. Muito foda ver gente com gás pra sair rodando milhares de cidades e vários kilômetros pra tocar prumas 30 pessoas talvez e ainda por cima num esquema totalmente sangue nos óio. Isso aqui não é agenda de balada, mas de gente falando da Dying Fetus já deu. Então, cole nesses dois rolés ai na sinceridade: morou? Note que os dosi cartazes possuem a foto de 3 pessoas… deve ter a ver com cabala e coisa assim. Se quiser conhecer as bandas vagabund@, cata no google ai; falow? Recomendo as 3 bandas fudidamente e por favor, não fique parad@ nos shows.


Nação Corrompida during SP Rolets.

Recentemente a instituição pernambucana chamada Nação Corrompida deu um breve rolé e passou por alguns picos bacaninhas, tocando com gente mais bacaninha ainda. Tái um vídeo dos caras tocando no Sattva Bordô pro deleite de quem só ouviu Alcides (vulgo Meiota) contando as merdas que os caras fizeram por lá histórias massas do rolé.

Dá pra entender quase nada do áudio e tem Wanessa na tietagem, se eu nun tô enganado, deixando o clima da coisa mais caseiro.

Ps: Davi tá me devendo um tour report até agora.


Outros gritos corroídos pelo ódio.

Fiquei de cara com a energia que a banda tá agora com Guill nas gritarias, na moralzinha mesmo. Rolou até umas galeras dizendo que não curtiram a voz do indivíduo, que um depressivo ai era a voz ideal pra banda mimimim blábláblá…

Eu perticularmente achei que foi de longe um dos melhores rolés da C.P.O que eu já fui. Fuderoso mesmo ver toda a performance poledance hardcore de Guill acompanhada daquele som ultraveloz e o pogo frenético que todo mundo curte. A Corroídos Pelo Ódio tá foda: sem mais.

 

#Pagaçãodepau


Guidable Completinho.

Nem sabia que isso tava inteirão na rede pra ser visto assim, na tora: dai o gordo mermo publicou no toilter dele. Certamente tod@s @s leitor@s desse blog já viram esse doc, mas fica aqui pra você assistir com a sua família.

abrax.

Só não rolam as 6h de extras, pq ai também já era demais.

 

Ps: ainda rola nos vídeos relacionados o “Ruídos das minas” inteiro, outra pedradinha super bacana de sacar.


Brasilândia – Mini tour sudeste da Nação Corrompida

 

Já era hora, mais que fodidamente, dessa lenda, essa instituição do HardCore/Crossover pernambucano se aventurar por terras mais distantes. Espero que os shows sejam bacanas… todo mundo na expectativa de fotos, vídeos e o caralho A4.